Aprenda 03 formas de reduzir os encargos trabalhistas

Por
Em Portal terceirizado

reduzir-encargos-trabalhistas-01Entre os mais comuns desafios das empresas estão a redução dos encargos trabalhistas e a melhoria dos processos. Se você trabalha no departamento de Recursos Humanos sabe que a folha de pagamento acaba se tornando um dos maiores custos da organização. A gestão dessa tarefa deve ser feita com zelo, para que não cause prejuízos para a empresa e para os funcionários.

Reduzir os encargos trabalhistas não é uma tarefa fácil, mas é possível. É sobre este assunto que vamos falar na matéria de hoje, anote estas dicas:

1) O que são e quais são os principais encargos trabalhistas?

Os impostos pagos pelo empregador, que tem relação direta com o salário, são chamados de encargos trabalhistas. São direitos do trabalhador, que concedem benefícios e que devem ser pagos ao longo da sua estadia na empresa. Entre eles estão:

FGTS

É um depósito feito mensalmente pela empresa, diretamente em uma conta do funcionário. Corresponde a 8% do salário e seu objetivo é proteger o trabalhador, caso seja demitido sem justa causa.

INSS

Este é um valor mensal pago pela empresa, no recolhimento da folha de pagamento. A porcentagem do INSS varia conforme a quantia do salário do colaborador. É um benefício que concede salário-maternidade, auxílio-doença, 13º salário, aposentadoria por idade ou tempo de contribuição, entre outros.

PIS/PASEP
É uma contribuição para garantir o abono salarial ou o seguro-desemprego. O PIS é voltado para os trabalhadores de empresas privadas. Já o PASEP é destinado aos funcionários públicos.

Os encargos trabalhistas ocupam boa parte das finanças da empresa, especialmente entre os impostos que incidem na folha de pagamento. Por isso, é importante realizar uma boa gestão da mão-de-obra, para que os gastos não venham a comprometer os recursos de caixa da organização. Fazer uma boa seleção de funcionários e acompanhar o seu desemprenho no dia a dia, também é fundamental para evitar problemas futuros. A dica é investir na terceirização, que pode ser uma ótima opção se você busca otimizar este processo dentro da empresa.

Saiba como a terceirização pode auxiliar na seleção de funcionários.

2) Automatize as tarefas

Tarefas feitas manualmente ou sistemas desatualizados podem gerar erros de cálculo, que impactam nos valores finais dos encargos trabalhistas e trazem prejuízos para a empresa. Para evitar esses problemas, o mais indicado é investir na automação dos processos, com um sistema que integre todos os setores. Assim, a realização da folha de pagamento é otimizada, com cálculos precisos de salários, horas extras, benefícios entre outros valores. Esta atitude pode reduzir muitos custos desnecessários e trazer mais economia para a empresa.

reduzir-encargos-trabalhistas-02

3) Invista na terceirização

A terceirização é uma das melhores formas de reduzir os encargos trabalhistas e operacionais, melhorar o processo de gestão de mão-de-obra e ainda aumentar a produtividade na empresa. Com a mudança da lei da terceirização, agora é possível terceirizar as atividades fim e meio, proporcionando assim mais opções para o empregador.

Uma das principais vantagens de contratar uma equipe terceirizada é que os gestores e setores chave da empresa podem se dedicar as atividades e projetos voltados para o crescimento da organização. Já as demais atividades, importantes para o bom andamento da empresa, podem ser realizadas por profissionais terceirizados qualificados.

Veja aqui como pesquisar e contratar uma empresa terceirizada de confiança.

Terceirização é com a Intersept!

Se você busca experiência, qualidade e profissionais qualificados, conte com a Intersept. Oferecemos serviços terceirizados em Curitiba e região metropolitana, nas áreas de segurança, portaria 24h, recepção, apoio administrativo, limpeza e conservação, jardinagem, entre outros. Conheça mais aqui! 

Fale conosco para tirar suas dúvidas e fazer um orçamento: (41) 3266-9581 l WhatsApp: (41) 98854-0059 l E-mail: comercial@intersept.com.br

reforma trabalhista 2

 

 

 

Posts recomendados
Comentários
  • Isabela Cantoni
    Responder

    Muito interessante, devemos sempre encontrar maneiras de aumentar a produtividade, mas mantendo os direitos do trabalhador, tudo para reduzir os encargos trabalhistas!

Deixe um comentário